Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Índices de ações europeus sobem com bancos e serviços públicos

As bolsas de valores europeias fecharam em alta nesta quarta-feira, após caírem nas últimas duas sessões, com o resultado positivo da E.ON impulsionando as ações de companhias de serviços públicos e os papéis de bancos avançando antes dos comentários do Federal Reserve sobre a economia norte-americana.

REUTERS

12 de agosto de 2009 | 13h13

O índice FTSEurofirst 300, principal referência dos mercados acionários europeus, fechou em alta de 1 por cento, a 941 pontos. O indicador, que caiu 45 por cento no ano passado, acumula alta de 13 por cento em 2009 e de 46 por cento ante a mínima histórica atingida em março.

A companhia alemã E.ON, maior em nível global no setor de serviços públicos, subiu 5,5 por cento, após ter anunciado que vê sinais de que a demanda por energia está se estabilizando, após uma queda prolongada, e melhorado as perspectivas para 2009 com um lucro no primeiro semestre que superou expectativas.

"Para o restante do ano, esse tipo de relato de lucro é o principal motor para as pessoas revisarem para cima as previsões de ganhos para o ano que vem e isso é positivo para o mercado", afirmou Franz Wenzel, estrategista da AXA Investment Managers.

As ações de companhias financeiras exibiram os ganhos mais significativos, antes da divulgação dos comentários do Federal Reserve sobre sua reunião de política monetária às 15h15 (horário de Brasília). As expectativas são de manutenção da taxa de juro do país entre zero e 0,25 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,97 por cento, a 4.716 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX avançou 1,22 por cento, para 5.350 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,48 por cento, para 3.507 pontos.

Em MILÃO, o índice FTSE/MIB encerrou em alta de 1,31 por cento, a 21.546 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou valorização de 0,94 por cento, para 10.933 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve apreciação de 0,51 por cento, para 7.520 pontos.

(Reportagem de Atul Prakash)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAEUROPAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.