Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Indonésia não informou ao Brasil sobre embargo à carne

O Ministério da Agricultura não foi informado até o início da noite desta sexta-feira sobre o embargo da Indonésia à importação de carnes, milho e farelo de soja fornecidos pelo Brasil. O secretário de Defesa Agropecuária, Maçao Tadan, disse que ficou sabendo da notícia pela imprensa. Segundo informações repassadas por frigoríficos aos jornalistas, a justificativa da Indonésia é que foi registrado um foco de febre aftosa no rebanho bovino do Pará.De acordo com um técnico da secretaria, é praticamente impossível a transmissão de febre aftosa por meio de farelo de soja e de grãos de milho. Só poderia haver o contágio se a secreção de um animal doente fosse transferida e contaminasse carregamentos de grãos, o que é praticamente impossível. O secretário não estimou o montante do comércio entre Brasil e Indonésia para estes três produtos.Se confirmado, com a Indonésia já somam três os países que suspenderam a compra de carnes do Brasil. Em relação à Rússia, o primeiro país a suspender as compras do produto brasileiro, Tadano afirmou que o secretário de produção e comercialização do ministério, Linneu Costa Lima, chefiará a missão que embarca neste sábado para Moscou.Em relação à Argentina, que também suspendeu as compras de carne do Brasil, Tadano disse que haverá uma definição até quarta-feira da próxima semana.

Agencia Estado,

25 de junho de 2004 | 18h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.