Indústria espera continuidade da queda dos juros

A Confederação Nacional da Indústria manifestou na noite desta quarta-feira a esperança na continuidade da trajetória de queda da taxa básica de juros nos próximos meses. Em nota, a entidade reafirma "a necessidade de avanços maiores na redução das taxas de empréstimos" cobradas pelos bancos.Segundo a confederação, "é momento de atacar com vigor" a queda dos juros cobrados pelos bancos "para minorar as dificuldades vivenciadas pela produção e aproximar o custo do capital, no Brasil, dos padrões internacionais.Já Federação das Indústrias do Estado de São Paulo disse que o BC está "perdendo a oportunidade de aproveitar o ambiente favorável e soltar as amarras da economia". A Federação das Indústrias de Minas Gerais disse que o resultado da reunião do Copom é decepcionante. "Com projeção de inflação mais baixa, o Copom poderia ter ousado mais", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.