Indústria gaúcha registra forte recuperação em março

O Índice de Desempenho Industrial do Rio Grande do Sul (IDI-RS), medido pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs) teve um crescimento de 13,49% em março, comparativamente a fevereiro. No primeiro trimestre do ano, o crescimento acumulado é de 6,66% e, nos últimos 12 meses, de 2,57%. O resultado foi divulgado nesta terça-feira, dia 4, pelo presidente da Fiergs, Renan Proença. "As compras sugerem a retomada da atividade, mas os números ainda são baixos e puxados pelo setor exportador", afirmou o empresário ao explicar os índices. O presidente da Fiergs destacou ainda que 86% do crescimento total nas vendas da indústria são de química, mecânica e material de transporte, setores exportadores.Todas as variáveis de fevereiro foram positivas: vendas (1,49%), compras (0,99%), salários (2,42%), pessoal ocupado (1,62%), horas trabalhadas (6,85%) e UCI (3,9%). Os desempenhos mais positivos foram registrados no setor mecânico (18%), máquinas agrícolas (28,65%), material de transporte (19,72%), química (21%) e borracha (20%). Os setores que tiveram queda foram produtos alimentares (-4,31%), vestuário (-3,3%), calçados (-3,60%), madeira (-3,41%) e material elétrico (-5,48%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.