Indústria paulista lidera retomada da produção industrial

A indústria de São Paulo está liderando os recentes resultados positivos de expansão na produção industrial nacional. A avaliação é do economista da Coordenação de Indústria do IBGE, André Macedo, que destacou, na pesquisa sobre produção industrial regional, divulgada hoje pelo Instituto, a alta de 12,7% na produção do Estado em março, ante março do ano passado. "O resultado de São Paulo é muito importante, pois o Estado representa cerca de 40% do parque industrial do País", afirmou.O setor que liderou os resultados positivos do Estado em março foi o de veículos automotores, com expansão de 45,4% ante março do ano passado. O técnico admitiu que o resultado pode ter sido influenciado pela utilização de base de comparação mais baixa, referente ao ano passado, visto que o setor automotivo de São Paulo apresentou resultados menos intensos de produção, no ano passado."Mas é importante notar que, embora o setor automotivo tenha registrado a alta mais expressiva por setor, a expansão na produção industrial de São Paulo foi praticamente generalizada em março", disse, acrescentando que, dos 20 setores pesquisados em março, 17 apresentaram alta de produção em comparação com março do ano passado.O economista não quis dizer se o resultado de São Paulo, aliado ao das outras 13 regiões pesquisadas pelo IBGE na análise - todas apresentaram alta de produção em março, ante março do ano passado -, possa conduzir a um resultado de crescimento sustentável na indústria. "Há uma evolução mensal (na expansão da produção industrial), ante os meses anteriores", disse.Ele lembrou que, em fevereiro, apenas nove das 14 regiões pesquisadas apresentaram elevação de produção industrial, ante fevereiro do ano passado. A pesquisa de produção regional não apresenta comparação de mês ante mês anterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.