Indústria puxa consumo recorde de energia na Região Sul

A Região Sul do País bateu seu recorde histórico de demanda de energia elétrica no dia 3 de fevereiro passado, com um volume de 10.407 megawatts (MW). O consumo representa um crescimento de 1,2% em relação ao recorde anterior, registrado em abril de 2003, de acordo com dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Técnicos que atuam na operação do setor elétrico atribuem o recorde à recuperação da atividade industrial na região, tendência que deve perdurar ao longo de 2004. A expectativa é de que ocorra, neste ano, um crescimento de 4,9% do consumo industrial na Região Sul, conforme disse um especialista em operação, lembrando que no ano passado foi registrado um crescimento de 2,9%. O técnico acrescenta que a previsão é de um crescimento de 2,9% para o sistema Sudeste neste ano. Segundo dados do ONS, a possibilidade de se registrarem novos recordes de consumo não representa ameaça à capacidade instalada do sistema Sul, conforme ocorreu no passado em outras regiões. A capacidade instalada das usinas do Sul e o potencial de intercâmbio de energia com o Sudeste e com a Argentina proporcionam 15.156 MW de potência à região - o que confere uma folga de geração de mais de 4.700 MW em relação ao pico de demanda deste mês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.