carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Indústria registra queda das vendas reais em outubro

Os indicadores industriais referentes ao mês de outubro divulgados hoje pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostram uma ligeira queda nas vendas reais e na utilização da capacidade instalada na comparação com setembro deste ano. Os demais indicadores continuam positivos, a exemplo dos meses anteriores.As vendas reais da indústria caíram 0,37% em outubro ante setembro deste ano, mas apresentaram crescimento de 5,95% em relação a outubro de 2003. No acumulado de janeiro a outubro, as vendas reais cresceram 15,38%. A utilização da capacidade instalada em outubro ficou em 82,7% ante 83,1% registrada em setembro e 80,0% em outubro de 2003.A queda das vendas reais da indústria por dois meses consecutivos (setembro e outubro) já pode estar refletindo a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) de elevar a taxa básica de juros (Selic) nos últimos três meses, avaliou o coordenador da Unidade de Política Econômica da Confederação Nacional da Indústria, Flávio Castelo Branco. Na reunião de setembro, a Selic passou de 16% para 16,25% ao ano. Em outubro, o Comitê elevou a Selic para 16,75% ao ano e, na reunião do mês passado, a taxa chegou a 17,25% ao ano.Em termos dessazonalizados sem efeitos temporais, a queda nas vendas por dois meses consecutivos não vinha ocorrendo desde o primeiro semestre de 2003. Além disso, segundo dados da CNI, a expansão nas vendas, na comparação com 2003, está se reduzindo. "Esboça-se, assim, o início de uma fase de desaquecimento das vendas industriais na esteira do processo de intensificação da política monetária contracionista", diz o boletim Indicadores Industriais, divulgado pela CNI.TrabalhoO número de pessoas empregadas na indústria registrou um aumento 0,43% em outubro em relação a setembro e, na comparação com outubro de 2003, apontou um aumento de 6,32%. No acumulado de janeiro a outubro, o indicador é positivo em 2,80%. O número de horas trabalhadas na indústria também teve aumento de 0,53% em outubro ante setembro deste ano e de 4,51% em relação a outubro de 2003. De janeiro a outubro, esse indicador teve aumento de 5,27%.Os salários pagos pela indústria também mostraram aumento de 0,55% em outubro ante setembro e de 10,87% em relação a outubro de 2003. Os salários pagos na indústria apresentaram recuperação de 8,71% nos 10 primeiros meses deste ano. Todos esses indicadores são dessazonalizados (sem efeitos temporais).

Agencia Estado,

08 de dezembro de 2004 | 14h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.