Indústria retoma alta no último trimestre de 2001

Os resultados da atividade industrial brasileira no último trimestre de 2001 foram positivos depois de três trimestres consecutivos de queda, segundo dados da Sondagem Industrial divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Houve melhora na evolução da produção com o indicador passando de 48,7 no terceiro trimestre para 52,8 no último trimestre. Quanto ao faturamento, o avanço foi de 49,5 pontos para 52,6 pontos.Vale lembrar que abaixo da linha divisória de 50 pontos os resultados são negativos e, acima disso, positivos. Segundo a CNI, o resultado do último trimestre do ano passado marca a reversão da queda da atividade industrial. Mesmo assim, a entidade destaca que os números ficaram abaixo do esperado e são menores do que os resultados no mesmo período de anos anteriores.No último trimestre de 2000, o indicador de produção foi de 59 pontos e o indicador de faturamento de 57,2 pontos. A CNI anunciou ainda que o indicador de emprego dos três últimos meses de 2001 ficou em 49,9 pontos acima do trimestre anterior que fora de 47,8 pontos. Já a utilização da capacidade instalada cravou 75% no último trimestre do ano, acima dos 72% do período anterior, mas ainda abaixo dos 77% registrados nos últimos três meses de 2000.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2002 | 10h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.