Jefferson Pancieri/Prefeitura de São Paulo
Jefferson Pancieri/Prefeitura de São Paulo

Inflação acumulada na cidade de SP em 2017 foi de 2,27%, aponta Fipe

Em dezembro, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na capital paulista, subiu 0,55%; aceleração dos preços nos grupos habitação, alimentação e saúde contribuíram para o resultado

Sérgio Caldas, Broadcast

05 de janeiro de 2018 | 09h16

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,55% em dezembro, variação que representa quase o dobro do aumento de 0,29% observado em novembro, segundo dados publicados nesta sexta-feira, 5, pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

+ Preço de venda de imóveis cai 17% em três anos

Ao longo de 2017, o IPC-Fipe acumulou inflação de 2,27%. Em dezembro, ganharam força ou passaram para inflação os grupos Habitação (de 0,34% em novembro para 0,73% no mês passado), Alimentação (de -0,68% para 0,31%) e Saúde (de 0,42% para 0,45%).

+ Conta de luz mais barata derrubou a inflação da baixa renda em dezembro

Por outro lado, desaceleraram os grupos Transportes (de 0,89% em novembro para 0,76% em dezembro), Despesas Pessoais (de 1,30% para 0,70%), Vestuário (de 0,23% para 0,11%) e Educação (de 0,10% para 0,08%).

Veja abaixo como ficaram os itens que compõem o IPC-Fipe em dezembro:

- Habitação: 0,73%

- Alimentação: 0,31%

- Transportes: 0,76%

- Despesas Pessoais: 0,70%

- Saúde: 0,45%

- Vestuário: 0,11%

- Educação: 0,08%

- Índice Geral: 0,55%

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.