Inflação da zona do euro tem leve recuo em março

Alta do índice de preços ao consumidor, de 2,6%, foi menor que a registrada em fevereiro, mas veio acima do esperado 

Danielle Chaves, da Agência Estado,

30 de março de 2012 | 07h43

LONDRES - A taxa de inflação na zona do euro diminuiu em março, mas não tanto quanto se esperava. Segundo dados da Eurostat, o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) do bloco subiu 2,6% em março, abaixo da alta de 2,7% registrada em fevereiro. Economistas consultados pela Dow Jones previam aumento de 2,5%.

Os sinais de que a inflação continua elevada podem colocar o Banco Central Europeu (BCE) em uma posição desconfortável caso queira relaxar a política monetária mais tarde neste ano para dar suporte à economia. A meta de inflação do BCE é de pouco menos de 2%. As tensões no Oriente Médio têm provocado alta nos preços do petróleo, levantando receios de que a inflação permaneça elevada. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUROINFLACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.