carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Inflação de março cai para 0,12% em São Paulo

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da USP, foi de 0,12% no fechamento de março. Além de ter ficado abaixo da inflação apurada na terceira prévia do mês (0,20%), o IPC também foi menor do que o previsto pelos analistas ouvidos pela Agência Estado, que apontavam uma variação entre 0,18% e 0,30%. Na comparação dos dados de março com fevereiro, apenas os grupos Despesas Pessoais e Vestuário apresentaram variação maior, de acordo com a pesquisa divulgada esta manhã. Em relação aos números da terceira prévia do mês, os artigos que compõem o item Vestuário foram os únicos as apresentar alta de preços superior. A maior alta do período foi Saúde, que subiu 0,38% ante aumento de 0,45% na terceira quadrissemana e de 0,68% no mês anterior. Despesas Pessoais teve variação de 0,32%. Na pesquisa com os dados sobre a terceira prévia do mês, o item subiu 0,50%, ante variação de 0,09% em fevereiro. Habitação avançou 0,27% no último mês, mas a alta foi de 0,36% na terceira quadrissemana e de 0,34% no segundo mês do ano. Alimentação mostrou desaceleração nos preços que compõem o grupo. No fechamento de março, a variação foi de 0,10%, porcentual que chegara a 0,33% na terceira quadrissemana, mas foi de 0,12% em fevereiro. Educação teve leve alteração de 0,03%, ante 0,04% na terceira pesquisa, mas foi muito menos na comparação com os 0,29% no mês anterior. Vestuário, que vinha registrando sucessivas quedas desde o início das liquidações de verão, começa a mostrar o impacto das novas coleções outono inverno. O item subiu 0,10%, ante baixas de 0,39% na terceira prévia e 0,85% em fevereiro. Já Transportes caiu 0,41%, a mesma variação da terceira prévia. Em fevereiro, o grupo registrou alta de 0,14%. Veja as variações dos itens que compõem o IPC:Habitação: +0,27%; Alimentação: +0,10%; Transportes: -0,41%;Despesas Pessoais: +0,32%; Saúde: +0,38%; Vestuário: +0,10%Educação: +0,03%; Índice Geral: +0,12%.

Agencia Estado,

05 de abril de 2004 | 07h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.