Inflação em SP acelera em abril puxada por alimento e remédio

IPC-Fipe sobe para 0,54% no mês e fica próximo do teto das expectativas dos economistas

Agência Estado e Reuters,

06 de maio de 2008 | 06h02

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que mede a inflação na cidade de São Paulo, teve alta de 0,54% em abril, ante 0,49% na terceira quadrissemana do mês e 0,31% em março. O índice ficou próximo do teto das expectativas dos analistas consultados pela Agência Estado, que iam de 0,48% a 0,55%. Maiores preços de alimentos e remédios pressionaram a inflação ao consumidor na cidade.   Veja também:   Especial: Entenda a crise dos alimentos  Entenda os principais índices de inflação  O grupo Alimentação registrou alta de 0,84% em abril, contra 0,67% na terceira prévia e 0,27% em março. Já os custos de Saúde - que inclui o reajuste recente dos remédios - aumentaram 1%, acelerando sobre a variação positiva de 0,34% no mês anterior e de 0,71% na terceira quadrissemana.   Habitação encerrou abril com elevação de 0,47%, abaixo da terceira prévia (0,51%), mas acima do índice fechado de março (0,44%). Transportes apresentou variações de 0,25% em abril, 0,22% na terceira apuração do mês e 0,24% em março.   O grupo Despesas Pessoais encerrou o mês passado com taxa de 0,38%, abaixo da terceira prévia (0,40%), mas acima do resultado de março (0,30%). O grupo Vestuário teve variações de 0,64% em abril, 0,59% na terceira apuração e 0,08% em março. Educação ficou com 0,04% em abril, após 0,08% na terceira prévia e 0,12% em março.   O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda até 20 salários mínimos.   Veja como ficaram os grupos que compõem o IPC:Habitação: 0,47%Alimentação: 0,84%Transportes: 0,25%Despesas Pessoais: 0,38%Saúde: 1,00%Vestuário: 0,64%Educação: 0,04%Índice Geral: 0,54%

Tudo o que sabemos sobre:
InflaçãpIPC-Fipe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.