coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Inflação em SP desacelera e atinge 0,12%

A cidade de São Paulo registrou inflação de 0,12% na terceira quadrissemana de agosto, ante 0,18% do período anterior. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da USP ficou dentro da margem prevista por 11 instituições ouvidas pela Agência Estado, que apostavam em um indicador entre 0,11% e 0,20%. A maior queda continua sendo do item Vestuário, de 0,90, porém, com leve aumento sobre a segunda quadrissemana (-1,21%). A maior alta apontada foi a do item Saúde, de 0,60%, mas levemente inferior ao porcentual anterior (0,63%). A Habitação passou de um patamar positivo na segunda quadrissemana, de 0,01% para um negativo de 011%, na terceira quadrissemana. O segmento Alimentação apontou queda em relação à quadrissemana anterior, passando de 0,42 para 0,37%, assim como Transportes (0,43% para 0,30%). Os setores Educação e Despesas Pessoais ficaram praticamente estáveis de uma semana para outra, de 0,07% para 0,05%, e 0,21% para 0,22%, respectivamente.

Agencia Estado,

28 de agosto de 2006 | 11h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.