seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

Inflação fecha abril em 0,06%, segundo a Fipe

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) apurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da USP registrou inflação de 0,06% na quarta quadrissemana de abril (fechamento do mês), índice sem alteração em relação à apuração da pesquisa anterior e dentro da expectativa dos analistas (entre zero e 0,10%). A alta mais expressiva do período foi Despesas Pessoais, que teve variação de 0,59%, contra um aumento de 0,34% na pesquisa anterior. A maior queda do período foi Transportes, que havia registrado 2,23% no período anterior, cedendo para 1,80%. Saúde, cuja variação foi de 0,28% na segunda quadrissemana, caiu para 0,16%. Veja as variações dos itens que compõem o IPC:Habitação: -0,45%; Alimentação: -0,79%; Transportes: +1,80%; Despesas Pessoais: +0,59%; Saúde: +0,16%; Vestuário: +0,20%; Educação: +0,06%; Índice Geral: +0,06%

Agencia Estado,

06 de maio de 2002 | 07h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.