Inflação na capital paulista acelera para 0,12% na 2ª prévia de julho

IPC da Fipe apresentou elevação de 0,10% na medição anterior e de 0,03% em igual período de junho

Agência Estado,

19 de julho de 2010 | 06h01

A inflação na cidade de São Paulo, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), acelerou para 0,12% na segunda quadrissemana de julho, ante a elevação de 0,10% no levantamento anterior. Na segunda quadrissemana de junho, o indicador havia avançado 0,03%. As estimativas apuradas pelo AE Projeções iam de 0,10% a 0,19%, com mediana de 0,15%.

Na comparação entre a primeira e a segunda prévia de julho, três dos sete grupos pesquisados tiveram aceleração da alta de preços: Habitação (de 0,28% para 0,33%), Alimentação (que passou de uma queda de 0,62% para -0,42%) e Educação (de 0,09% para 0,25%). Houve desaceleração de preços em quatro grupos: Transportes (de 0,14% para 0,11%), Despesas Pessoais (0,72% para 0,55%), Saúde (0,52% para 0,40%) e Vestuário (de estabilidade para -0,21).

Veja como ficaram os itens que compõem o IPC:

Habitação: 0,33%

Alimentação: -0,42%

Transportes: 0,11%

Despesas Pessoais: 0,55%

Saúde: 0,40%

Vestuário: -0,21%

Educação: 0,25%

Índice Geral: 0,12%

Queda nos preços do álcool e gasolina volta a diminuir em SP

A redução nos preços do álcool e da gasolina voltou a ficar menor nos postos da cidade de São Paulo no final da primeira metade do mês de julho, de acordo com levantamento da Fipe, por meio do Índice de Preços ao Consumidor (IPC). Na segunda quadrissemana de julho (últimos 30 dias encerrados em 15/7), o valor médio do álcool caiu 1,66%, enquanto o preço da gasolina recuou 0,39%.

Na primeira quadrissemana do mês (30 dias terminados em 7 de julho), a queda do álcool havia sido de 3,31% e a da gasolina, de 0,51%, o que já indicava um processo de diminuição menor nos preços ante o movimento verificado no mês passado. No encerramento de junho, as baixas haviam sido mais expressivas, de 6,59% e de 0,54%, respectivamente, para o álcool e gasolina.

Tudo o que sabemos sobre:
inflaçãoIPCFipe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.