Inflação na construção civil desacelera para 0,52%

O Índice Nacional da Construção Civil, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em convênio com a Caixa Econômica Federal, desacelerou de maio para junho. Segundo divulgado nesta sexta-feira, inflação foi de 1,20% para 0,52% em junho, ante 1,20% apurados em maio. A taxa foi inferior também a apurada em junho de 2005 (0,68%) e acumula alta de 3,11% no primeiro semestre e de 5,19% nos últimos 12 meses. Ainda segundo o IBGE, o custo por metro quadrado passou de R$ 557,13 em maio para R$ 560,03 em junho, sendo R$ 323,26 relativos aos materiais e R$ 236,77 à mão-de-obra. No ano, houve alta de 1,88% nos materiais e em 12 meses, 4,06%. A mão-de-obra, com reajustes e antecipações salariais em alguns estados, registrou alta de 0,61% em junho. No ano, houve alta de 4,84% na mão-de-obra e nos últimos 12 meses, de 6,78%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.