Inflação na Europa tem a maior alta desde final de 2008

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos 16 países que usam o euro subiu 1,8% em setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado, após avançar 1,6% em agosto, afirmou a Eurostat, agência de estatísticas da União Europeia. Foi a maior alta da inflação, em termos anuais, desde novembro de 2008, quando o índice subiu 2,1%. A taxa de inflação ficou em linha com a média das projeções dos economistas ouvidos pela Dow Jones.

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

30 de setembro de 2010 | 09h17

Na sua previsão preliminar, a Eurostat não forneceu muitos detalhes das mudanças de preços durante o mês de setembro. Mas os números da Alemanha, a maior economia da zona do euro, indicam que o aumento dos preços dos alimentos e da energia provocou a alta da taxa anual de inflação da zona do euro. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
inflaçãopreçoszona do euroEurostat

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.