Inflação não pode escapar do controle, diz Coutinho

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, afirmou, em discurso nesta manhã durante reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), que é fundamental que o Banco Central mantenha a expectativa de inflação sob controle. Segundo ele, quando esta expectativa escapa do controle, o custo social se multiplica e, o mais grave, é que, para consertar depois fica muito mais difícil."Manter a expectativa de inflação sob controle é fundamental. Às vezes, tem que sacrificar no curto prazo para garantir o longo prazo. A confiança no longo prazo se garante com a realização dos investimentos. Eu vejo estas coisas muito integradas. É importante ter um banco central com credibilidade capaz de sustentar e cimentar a confiança do empresário para que não se interrompa o ciclo de investimento que está em curso", disse o presidente do BNDES.Coutinho afirmou que a nova política industrial tem, como objetivo, aumentar a taxa de investimento e de poupança da economia brasileira para permitir a sustentação de um crescimento mais firme sem risco de pressões inflacionárias por falta de oferta. Segundo ele, o aumento do investimento é a garantia do crescimento da oferta na velocidade adequada para sustentar o crescimento econômico. O objetivo, informou, é atingir o equivalente a 21% do PIB em investimentos. Para isso, disse ele, é fundamental a confiança do empresariado. Coutinho elogiou os fundamentos macroeconômicos, mencionando as reservas cambiais elevadas e a redução da relação dívida/PIB.

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

05 de junho de 2008 | 13h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.