Inflação no Brasil acelera para 7,7% em relatório da OCDE

Após meses de enfraquecimento, a taxa anual de inflação entre as economias desenvolvidas voltou a ganhar força em fevereiro. De acordo com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), a inflação no grupo das 20 maiores economia do mundo, conhecido como G-20, subiu para 2,7%, de 2,5% em janeiro, mas permaneceu bem abaixo da máxima de 2014, de 3,2% registrada em maio.

Estadão Conteúdo

02 Abril 2015 | 10h49

Entre os emergentes, a alta de preços se acelerou no Brasil para 7,7%, de 7,1% na mesma base de comparação. A inflação na China e na Rússia também ganharam tração, ao mesmo tempo em que houve desaceleração na Índia, Indonésia e África do Sul.

A OCDE informou que a taxa de inflação anual em seus 34 membros subiu para 0,6% em fevereiro, de 0,5% em janeiro, depois de ter perdido força desde julho de 2014. Mas as taxas de inflação continuam bem abaixo de 2%, que é a meta da maioria dos bancos centrais. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
OCDEBrasilinflação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.