Inflação pelo IGP-10 mais do que triplica em maio

Refletindo uma pressão de custos noatacado em razão principalmente das cotações internacionais dascommodities, a inflação pelo Índice Geral de Preços-10 (IGP-10)teve em maio a maior taxa do ano, informou a Fundação GetúlioVargas (FGV) nesta quinta-feira. O indicador teve alta de 1,52 por cento neste mês, anteelevação de 0,45 por cento em abril. Analistas previam um dadode 1,46 por cento, segundo a mediana de 10 previsões, quevariaram de 0,83 a 1,60 por cento. Foi a maior leitura do índice desde dezembro de 2007,quando subiu 1,59 por cento. Entre os componentes, o Índice de Preços por Atacado (IPA)avançou 1,91 por cento no mês, ante alta anterior de 0,35 porcento. O IPA agrícola passou para aumento de 1,64 por cento emmaio, seguindo a queda de 1,31 por cento no mês passado. O IPAindustrial acelerou a alta para 2,01 por cento neste mês, ante1,0 por cento em abril. As principais variações positivas individuais no atacadovieram de arroz em casca, minério de ferro, adubos efertilizantes, bovinos e leite in natura. A pressão desses doisúltimos itens é sazonal. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,67 por centoem maio, seguindo a variação positiva de 0,61 por cento. A aceleração deveu-se à alta maior dos grupos Alimentação eSaúde e cuidados pessoais, de respectivamente 1,70 por cento e0,78 por cento. As maiores elevações individuais de preços no varejo foramde mamão papaia, pão francês e leite longa vida. Os movimentosrefletem impactos sazonais e também os elevados preços dascommodities, como é o caso do pão, que leva trigo. O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrouelevação de 0,85 por cento, ante alta de 0,73 por cento emabril. Os custos do aço foram a principal pressão. O IGP-10 foi calculado com base nos preços coletados entreos dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência. No ano, o índice acumula alta de 4,47 por cento e nosúltimos 12 meses, de 10,71 por cento. (Por Vanessa Stelzer)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.