Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Inflação pelo IPC-Fipe recua pela 7ª vez seguida

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) na cidade de São Paulo, indicador de preços de produtos e serviços calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), desacelerou pela sétima vez consecutiva. A inflação medida pelo IPC fechou a segunda prévia de fevereiro em 0,22%, a menor taxa desde a terceira prévia de novembro passado. À época, o IPC-Fipe subiu 0,19%.A segunda prévia de fevereiro do IPC-Fipe ficou 0,08 ponto porcentual abaixo taxa de 0,30% apurada na primeira prévia do mês e 0,30 ponto inferior à variação de 0,52% registrada no final de janeiro. Em dezembro, o IPC havia subido 0,82%, depois de ter registrado alta de 0,90% na terceira semana daquele mês. Foi a partir daí que o indicador assumiu o ciclo de diminuição do ritmo de altas que culminou, agora, na segunda parcial de fevereiro, com a sétima desaceleração consecutiva.Com mais este recuo, o IPC-Fipe deve confirmar no final de fevereiro a previsão do coordenador de cálculo do índice, Márcio Nakane, que na semana passada revisou para baixo a sua expectativa de inflação deste mês de 0,30% para 0,25%. Para o ano todo, Nakane mantém previsão de uma alta de 4% do IPC-Fipe na cidade de São Paulo.

FRANCISCO CARLOS DE ASSIS, Agencia Estado

19 de fevereiro de 2008 | 08h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.