Início de construção de moradias nos EUA salta em julho

O início de construções de moradias nos Estados Unidos se recuperou com força em julho, sugerindo que a recuperação do mercado imobiliário retomou após travar na segunda metade do ano passado.

REUTERS

19 de agosto de 2014 | 09h45

O início de construções saltou 15,7 por cento, para ritmo anual ajustado sazonalmente de 1,09 milhão de unidades, interrompendo dois meses seguidos de quedas, informou nesta terça-feira o Departamento do Comércio do país. Economistas consultados pela Reuters esperavam alta para 969 mil unidades.

Em relatório separado, o Departamento do Trabalho informou que o Índice de Preços ao Consumidor norte-americano subiu 0,1 por cento em julho, após alta de 0,3 por cento em junho, com a queda nos custos da energia compensando parcialmente os avanços dos preços de alimentos e aluguéis.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUACONSTRUCOES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.