INSS convoca 15,5 mil para reavaliação do auxílio-doença

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está convocando por carta mais 15.566 trabalhadores que recebem auxílio-doença há dois anos e que precisam passar por nova perícia médica. Nos seis lotes anteriores, foram convocados cerca de 130 mil pessoas que tiveram a concessão do auxílio-doença a partir de agosto de 2005 e deveriam ser reavaliados após dois anos.Na carta enviada pelo INSS, os segurados são informados da necessidade de agendar nova perícia médica no prazo de 10 dias, contados a partir da data de recebimento. Quem receber a correspondência e não agendar ou deixar de comparecer à perícia terá o benefício suspenso.Nos casos mais graves em que o segurado está hospitalizado ou impedido de se locomover, a perícia precisa ser agendada normalmente, mas um representante legal da pessoa deve comparecer à agência da Previdência para comunicar a impossibilidade do segurado e solicitar que a perícia seja realizada no local em que estiver.Os beneficiários que têm prazo de auxílio expirando em fevereiro devem agendar pelo telefone 135 ou pela internet a data para a perícia. O endereço na internet é www.previdencia.gov.br

AE, Agencia Estado

18 de janeiro de 2008 | 15h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.