INSS inicia mutirão para solucionar 45 mil processos

O ministro da Previdência, Luiz Marinho, e a presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª região (TRF3 - SP e MS), desembargadora federal Marli Ferreira, implantaram nesta tarde, numa parceria do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e da Justiça Federal, o Programa de Conciliação Previdenciária. A medida pretende resolver, definitivamente, 45 mil processos previdenciários que estão no tribunal em grau de recurso. Não há prazo final preestabelecido para a finalização do programa ou conclusão dos 45 mil processos.As ações previdenciárias resolvidas pelo mutirão podem ser relacionadas à Lei Orgânica da Assistência Social (Loas) e aos benefícios rurais.De acordo com a assessoria de imprensa do TRF, logo após a cerimônia de implantação do programa, o trabalho do mutirão já foi iniciado. Na tarde de hoje quatro acordos já foram realizados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.