Internet em Bolsa

O diretor de ADRs do Citibank, Orlando Viscardi, avalia que as empresas de Internet devem se beneficiar por estarem entre as poucas opções para os interessados. Viscardi disse que a oferta no mercado local, com a criação de uma base de investidores, confere maior credibilidade à empresa diante dos compradores externos. Segundo ele, o investidor estrangeiro vê que o mercado local aposta na empresa e se interessa.Outra vantagem citada pelo diretor é o tamanho da empresa. Por serem menores que as americanas, teriam chance maior de liquidez - facilidade de negociação. Viscardi lembrou, porém, que a abertura de capital no Brasil possui custos maiores. Com emissão nos Estados Unidos, a empresa economiza, por exemplo, com a taxa anual de listagem na Bovespa, auditoria e emissão de balanços . Cenário externo não favorece emissão de ADRs A criação de uma base de investidores no mercado local também é importante para uma futura emissão de ADRs - certificado emitido por bancos norte-americanos, que representa ações de uma empresa fora dos Estados Unidos (veja mais informações no link abaixo). Porém Viscardi faz ressalvas em relação ao momento atual. O contexto internacional ainda não é favorável e o mercado americano se encontra retraído com relação a possíveis emissões de ADRs. Isso inclui as empresas brasileiras. De acordo com o diretor, o momento é frio por causa incerteza quanto aos juros americanos. Além disso, a queda em Bolsa dos papéis relacionados à Internet contribuiu para restringir o mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.