Internet facilita homenagem às mães

Para evitar lojas cheias no Dia das Mães, a melhor opção é fazer da Internet uma aliada. Com a ferramenta, é possível pesquisar todo tipo de presente, comparar preços e avaliar formas de pagamento sem sair de casa. No Submarino (veja link abaixo), são mais de 700 mil itens para escolher. Nas compras com valor acima de R$ 299, o consumidor pode pagar em até dez vezes sem juros, com todos os cartões de crédito. As compras também podem ser pagas pelo banco online e por boleto bancário. A loja virtual oferece ainda a opção de Vale Presente em valores que vão dos R$ 25 aos R$ 250. O presente da mamãe chega a sua casa embrulhado em papel de presente e com cartão personalizado. No Americanas.com (veja link abaixo), se o valor das compras exceder R$ 500, o internauta poderá pagar em até dez vezes, sem juros. Quem comprar produtos das marcas Brastemp e Consul tem frete grátis, assim como também quem comprar três ou mais itens de CDs, DVDs ou lingerie. O site criou um serviço com os dez itens mais procurados, sugestão de presentes de acordo com o horóscopo, além de Vale Presente. No Shoptime.com (veja link abaixo), o internauta encontra 400 sugestões selecionadas para a data. O pagamento pode ser feito com cheques pré-datados, boletos online ou cartões Mastercard, Amex, Visa e Diners. O site dá direito a cartão personalizado. O internauta pode encontrar opções interessantes no site MercadoLivre.com (veja link abaixo), de leilões online. Para o Dia das Mães, a idéia é reunir produtos a preços promocionais, podendo chegar a um desconto de até 30% em comparação com os preços adotados pelo comércio em geral. Quem não tem tempo para ficar "navegando" em diferentes sites pode optar por pesquisar preços em portais especializados. Essa é a proposta do BuscaPé (veja link abaixo), que, atualmente, compara mais de 1 milhão de produtos diferentes vendidos em mais de 1.800 lojas virtuais. O serviço é gratuito e a idéia é auxiliar o consumidor, explica Romero Rodrigues, presidente do site. O Procon orienta o consumidor para que pesquise sempre os preços, as taxas de importação e o frete. Compras feitas fora do estabelecimento comercial dão ao internauta um prazo de sete dias para se arrepender e cancelar a compra. É preciso sempre exigir nota fiscal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.