Investigação na Johnson & Johnson coopera para caos em NY

As ações da Johnson & Johnson, fabricante do Band-Aid e do Tylenol, despencaram hoje com os investidores reagindo a notícias de que uma fábrica da empresa está sob investigação pelo Food and Drug Administration, órgão regulador dos setores de alimentos e remédios nos EUA. De acordo com matéria do The New York Times, o governo está conduzindo uma investigação criminal em uma fábrica da empresa em Porto Rico que fabrica remédio Eprex, para anemia. Segundo o jornal, medicamento poderia estar relacionado a doenças sérias na Europa e no Canadá, como a aplasia medular, um bloqueio ou diminuição da fabricação de glóbulos vermelhos. Um dos efeitos da aplasia é deixar o paciente dependente de transfusão de sangue. A Johnson & Johnson confirmou que está sendo investigada por conta de uma denúncia legal proposta em março de 1999 por Héctor Arce, ex-funcionário da empresa sobre o qual a própria Johnson & Johnson havia efetuado pressão para falsificar dados relativos a erros de produção, antes de despedi-lo.

Agencia Estado,

19 de julho de 2002 | 20h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.