finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Investimento direto estrangeiro mundial cai 18% em 2003

Os investimentos diretos estrangeiro mundiais tiveram uma queda de 18% em 2003, somando US$ 560 bilhões contra US$ 679 bilhões no anterior. Foi a terceira queda consecutiva, segundo relatório da Conferência das Nações Unidas para Comércio e Desenvolvimento (Unctad).Os resultados deste ano e do passado indicam uma acomodação após o ajuste da economia mundial, o estouro da bolha da Nasdaq - bolsa que negocia ações do setor de tecnologia e Internet -, os atentados de 11 de Setembro e as fraudes contábeis nos EUA. Em 2003, os fluxos se aproximaram da média da segunda metade dos anos 90 (96-99), quando o investimento direto estrangeiro ficou em US$ 658 bilhões.Já os investimento direto estrangeiro para países em desenvolvimento ficaram praticamente estáveis em 2003, mas com crescimento proporcional em relação ao resto do mundo. No ano passado, foram US$ 193 bilhões (35%), contra US$ 188 bilhões (28%) em 2002.

Agencia Estado,

22 de setembro de 2004 | 14h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.