Investimento estrangeiro em outubro dobra em relação a setembro

Os investimentos estrangeiros diretos (IED) somaram o equivalente a US$ 1,316 bilhão no mês de outubro, segundo dados divulgados hoje pelo Banco Central. O resultado é superior ao alcançado em setembro, quando o IED somou apenas US$ 599 milhões. O resultado também é superior ao fluxo de US$ 314 milhões de IED registrado em outubro do ano passado. O chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Altamir Lopes, disse hoje que neste mês de novembro o IED está acumulado em US$ 1,150 bilhão até o dia de hoje. Para o mês fechado de novembro, o chefe do Depec trabalha com previsão de que o IED venha ficar em US$ 1,5 bilhão. O BC, ao mesmo tempo, manteve suas projeções de IED para 2004 e 2005 em US$ 17 bilhões e US$ e 14 bilhões, respectivamente. No acumulado de janeiro a outubro de 2004, os investimentos diretos já somam valor correspondente a US$ 13,697 bilhões. Em igual período do ano passado, o IED somavam US$ 6,781 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.