Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Investimento estrangeiro vai cobrir déficit em conta corrente em 2011

BC aumentou projeção do IED, de US$ 60 para US$ 65 bi, enquanto cortou a previsão para o saldo negativo das contas externas, de US$ 54 bi para US$ 53 bi 

Fernando Nakagawa e Adriana Fernandes, da Agência Estado,

20 de dezembro de 2011 | 11h30

BRASÍLIA - O Banco Central (BC) reduziu a previsão de déficit em transações correntes em 2011 de US$ 54 bilhões para US$ 53 bilhões. Com isso, o saldo negativo das contas externas deve ser integralmente coberto pelo investimento estrangeiro direto (IED) cuja estimativa para 2011 subiu de US$ 60 bilhões para US$ 65 bilhões.

Entre as revisões para as estimativas do ano, o BC elevou a projeção de ingresso de investimento estrangeiro para compra de ações em 2011 de US$ 5 bilhões para US$ 6 bilhões. Já a expectativa para o superávit comercial em 2011 caiu de US$ 29 bilhões para US$ 28 bilhões. Já a conta de viagens teve a previsão de déficit diminuída de US$ 16 bilhões para US$ 14,3 bilhões.

Entre os demais itens, a expectativa de remessas de lucros e dividendos em 2011 não foi alterado, tendo sido mantida a previsão de US$ 38 bilhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.