IPC-Fipe desacelera e fica em 0,85% na 3ª quadrissemana

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo registrou alta de 0,85% na terceira quadrissemana do mês, uma desaceleração de 0,25 pontos porcentuais ante o ganho de 1,0% da segunda prévia de janeiro, informou nesta segunda-feira a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da Universidade de São Paulo.A maior alta registrada no período foi no grupo Educação, em que os preços avançaram 2,09%. Na segunda leitura de janeiro os preços do grupo subiram 1,22%. Apresentou crescimento também o grupo Alimentação (de 0,76% a 1,19%).Os custos com Transportes, por sua vez, avançaram 1,78%, ante ganho de 2,80% na segunda leitura, registrando a maior redução nos preços da terceira quadrissemana frente aos observados no período anterior.Entre os grupos que apresentaram recuo também estão Habitação (0,11% ante 0,28%), Despesas pessoais (0,94% ante 1,39%), Saúde (0,52% ante 0,70%) e Vestuário (0,49% ante 0,50%).O IPC-Fipe mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda de até 20 salários mínimos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.