IPC-Fipe recua para 0,19% na cidade de São Paulo

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC)da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que mede a inflação na cidade de São Paulo, ficou em 0,19% na segunda quadrissemana de outubro, menor que a taxa verificada na prévia anterior (0,26%). A taxa ficou abaixo das expectativas dos analistas consultados pela Agência Estado, que iam de 0,25% a 0,30%.Apresentaram alta entre a primeira e a segunda quadrissemana do mês os grupos Transportes (de 0,02% para 0,03%) e Educação (de 0,06% para 0,07%). Recuaram os segmentos Alimentação (0,61% para 0,39%), Habitação (de 0,32% para 0,29%) e Saúde (de 0,10% para -0,01%). Despesas Pessoais repetiu a taxa de 0,13%. Vestuário ampliou a deflação de 0,16% para 0,25%. Veja como ficaram os grupos que compõem o IPC:Habitação: 0,29%Alimentação: 0,39%Transportes: 0,03%Despesas Pessoais: 0,13%Saúde: -0,01%Vestuário: -0,25%Educação: 0,07%Índice Geral: 0,19%

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.