IPC-S da última semana de fevereiro desacelera a 0,34%

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) de até 28 de fevereiro subiu 0,34%, ante aumento de 0,43% apurado no indicador anterior, de até 22 de fevereiro. A taxa, anunciada nesta quinta-feira, 1, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), ficou dentro das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pela Agência Estado, que esperavam um resultado entre 0,30% a 0,38%, e "colada" à mediana das expectativas (0,35%).De acordo com a fundação, foi o resultado mais baixo do indicador desde a primeira semana de dezembro do ano passado, quando o IPC-S subiu 0,33%.A desaceleração na taxa do IPC-S foi influenciada por elevações de preços menos intensas em quatro das sete classes de despesa utilizadas para cálculo do índice, na passagem do indicador de até 22 de fevereiro para o de até 28 de fevereiro. É o caso de alimentação (de 1,25% para 1,17%); habitação (de 0,07% para 0%); educação, leitura e recreação (de 0,56% para 0,24%) e transportes (de 0,80% para 0,57%).Os outros três grupos registraram aceleração ou queda mais fraca de preços no mesmo período, como vestuário (de -2,23% para -2,16%); saúde e cuidados pessoais (de 0,26% para 0,29%) e despesas diversas (de 0,14% para 0,26%).Ao analisar a movimentação de preços por produtos, as altas de preço mais expressivas apuradas pela FGV foram encontradas em tomate (19,40%); tarifa de ônibus urbano (1,52%); e cenoura (31,06%). Enquanto as quedas de preço mais significativas foram registradas em maçã nacional (-22,23%); banana prata (-11,07%); e tarifa de eletricidade residencial (-0,47%).A taxa do IPC-S anunciada nesta quinta é o mesmo resultado Índice de Preços ao Consumidor - Disponibilidade Interna (IPC-DI) de fevereiro, que será anunciado dentro do Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) do mesmo mês, no dia 7 de março. Todo o último IPC-S do mês terá sempre a mesma taxa do IPC-DI de igual mês de referência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.