IPC-S fica em 0,17% até 7 de março

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) subiu 0,17%, até o período encerrado em 7 de março, ante 0,01% na semana passada. A informação foi divulgada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). O resultado anunciado hoje ficou acima do teto das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pela Agência Estado, que esperavam um resultado entre -0,08% e 0,15% (média de 0,06%). A FGV informou que nesta apuração, três das sete classes de despesa componentes do índice apresentaram elevação em suas taxas de variação, entre as quais o principal destaque foi o grupo Alimentação, que aumentou em 0,30% ante -0,30% na semana anterior.A segunda maior influência sobre o índice desta semana foi do grupo Habitação, que passou de -0,11% para 0,03%. O grupo Saúde e Cuidados Pessoais foi a terceira classe de despesa a apresentar elevação em sua taxa de variação, que passou de 0,50% para 0,54%.Os grupos Vestuário, Educação, Leitura e Recreação, Transportes e Despesas Diversas apresentaram decréscimos em suas taxas de variação. Dos quatro, Vestuário registrou a maior redução, 0,57 ponto percentual, passando de -1,62% para -2,19%. Os grupos Educação, Leitura e Recreação e Transportes apresentaram decréscimos de igual magnitude, 0,07 ponto percentual, sendo que o primeiro passou de 0,29% para 0,22% e o segundo de 0,98% para 0,91%.Por fim, o grupo Despesas Diversas registrou decréscimo de 0,04 ponto percentual em sua taxa de variação, passando de 0,16% para 0,12%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.