IPCA: média da inflação pode dobrar

A média mensal da inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) deverá dobrar a partir deste mês até o fim do ano por conta dos aumentos dos preços administrados, como energia elétrica, telefone, combustíveis. Além disso, os efeitos da entressafra devem pressionar os preço de alimentos, como carne, frango e grãos. Dessa forma, a inflação média mensal do IPCA, que até maio foi 0,3%, deverá subir para 0,6%.Apesar da expectativa de alta para os próximos meses, especialistas em índices mantêm as previsões de inflação para o ano e destacam que a variação média dos preços da economia em geral está sob controle.A economista da Tendências Consultoria Integrada, Rita Rodrigues, atribui esse aumento ao reajuste das tarifas e dos alimentos. Mesmo assim, ela mantém a previsão de que o IPCA feche o ano com alta de 6%, o IPC-Fipe com aumento de 5% e o IGP-M com variação de 8%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.