JF Diório/Estadão
JF Diório/Estadão

IPCA desacelera para 0,09% em março e é o menor do trimestre desde o Plano Real

No acumulado de 12 meses até março, o indicador teve alta de 2,68%, a mais baixa para o mês em toda a série histórica

Daniela Amorim, O Estado de S.Paulo

10 Abril 2018 | 09h06

RIO - A inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou em 0,09% em março, ante um avanço de 0,32% em fevereiro, informou nesta terça-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O dado veio abaixo da mediana do intervalo das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pelo Projeções Broadcast, calculada em 0,12%. O intervalo das previsões ia de alta de 0,05% a 0,16%.

A inflação de 0,09% em março foi a mais baixa para o mês em toda a série histórica iniciada na implementação do Plano Real, segundo o IBGE. A taxa acumulada pela inflação no ano foi de 0,70% – também o menor valor para o trimestre desde o Plano Real, em 1994. 

 

+ Mercado reduz previsão para inflação este ano pela décima vez

Como resultado, a taxa acumulada em 12 meses voltou a recuar, passando de 2,84% em fevereiro para 2,68% em março, o patamar mais baixo desde setembro do ano passado, quando ficou em 2,54%. A taxa em 12 meses alcançada em março foi a mais baixa para o mês em toda a série histórica do IPCA.

O índice acumulado em 12 meses permaneceu pelo nono mês seguido em patamar inferior a 3%, completando a maior sequência de resultados inferiores a 3% dentro da série histórica. A última vez que o IPCA em 12 meses manteve uma sequência prolongada abaixo de 3% foi de agosto de 1998 a fevereiro de 1999. Em março do ano passado, o IPCA havia ficado em 0,25%.

INPC. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) teve um avanço de 0,07% em março, após a alta de 0,18% registrada em fevereiro. O indicador mede a variação dos preços para as famílias com renda de um a cinco salários mínimos e chefiadas por assalariados.

Como resultado, o índice acumulou uma elevação de 0,48% no ano. A taxa em 12 meses foi de 1,56%. Em março do ano passado, o INPC tinha sido de 0,32%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.