Ipea: 53% dos municípios não têm banco público

Apesar do aumento da concorrência entre bancos oficiais e privados nos últimos anos, 2.968 dos 5.564 municípios brasileiros (ou 53%) não possuem agências de bancos públicos, de acordo com levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Os dados foram incluídos no estudo "Presença do Estado no Brasil: Federação, suas unidades e municipalidades", apresentado hoje em São Paulo. No total, 30 milhões de brasileiros em 42% do território nacional não possuem acesso a bancos públicos.

ANA CONCEIÇÃO, Agencia Estado

15 de dezembro de 2009 | 16h25

De acordo com Márcio Pochmann, presidente do Ipea, foram levadas em conta unidades do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Nordeste. Juntas, as instituições têm 6.663 agências espalhadas pelo País, cinco mil delas pertencentes ao Banco do Brasil. O levantamento não levou em conta os chamados correspondentes bancários, como lotéricas e Correios, que prestam apenas alguns tipos de serviços, como o pagamento de contas e o seguro-desemprego. "(Os correspondente) não foram computados porque não oferecem toda a gama de serviços que uma agência possui", disse.

Dos 2.596 municípios que possuem alguma agência de banco público, 63,4% estão nas regiões Sul e Sudeste, que concentram 57% da população. Apenas o Estado de São Paulo tem 1.375 agências, pouco menos que todo o Nordeste, com 1.536 unidades.

O estudo "Presença do Estado no Brasil" é uma compilação de dados feita pelo Ipea com informações de vários órgãos governamentais, entre eles os ministérios, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Banco Central e as agências reguladoras. Foram eleitos nove temas: previdência social, assistência social, saúde, educação, trabalho, bancos públicos, infraestrutura, segurança pública e cultura. Segundo Pochmann, a ideia foi agrupar informações que estavam dispersas em vários lugares para servirem de suporte à formulação de políticas públicas.

Tudo o que sabemos sobre:
bancosagênciaspesquisaIpea

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.