Ipea revê alta do PIB para 4%

O crescimento do País caminha para perto da taxa de 4% e o superávit da balança comercial para próximo de US$ 30 bilhões este ano. O cenário foi traçado nesta segunda-feira pelo diretor de macroeconomia do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Paulo Mansur Levy. As projeções divulgadas pelo instituto este mês indicavam um avanço de apenas 3,5% para a economia e um saldo de US$ 27,1 bilhões.O economista disse que indicadores recém-divulgados surpreenderam, como o crescimento de 30% da indústria fluminense em maio e o bom resultado do mercado de trabalho em São Paulo. Além disso, Levy espera resultados fortes para a indústria paulista e prevê que a indústria nacional crescerá em maio 2,1% sobre abril e 8% sobre o ano passado. O diretor do Ipea disse que o ?tripé? formado por austeridade fiscal, metas de inflação e câmbio flutuante não restringe o crescimento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.