bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Ipem-SP reprova 24 produtos da cesta básica

O Instituto de Pesos e Medidas de São Paulo (Ipem-SP), da Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo, analisou ontem 69 produtos da cesta básica do paulistano. Os técnicos do Instituto reprovaram 24produtos que apresentaram quantidade abaixo da especificada na embalagem. Em São Paulo, foram verificados 30 produtos dos quais 10 apresentaram irregularidades na embalagem. Os maiores erros foram no biscoito salgado Salclic São Luiz, de 270 gramas, com 10,40 gramas a menos na média; no sal iodado Cristal Ouro, de 1 quilo, que apresentou 24,80 gramas a menos na média; e no macarrão sêmola com ovos Scala, de 500 gramas, que apresentou 9,70 gramas a menos na média.No Interior paulista, dos 39 produtos analisados, 14 apresentaram peso inferior ao indicado na embalagem. Os maiores erros encontrados foram no biscoito brigadeiro Bauducco, de 200 gramas, da região de Presidente Prudente, que apresentou 6,10 gramas a menos na média; no macarrão espaguete Buitoni, de 500 gramas, da região de Bauru, com 4,10 gramas a menos na média; e na farinha de mandioca Toyo, de 500 gramas, de Campinas, com 3,10 gramas a menos na média.Os fabricantes responsáveis pelas irregularidades poderão ser punidos com multas de até R$ 2,4 mil e terão prazo de 15 dias para apresentar defesa ao Ipem-SP. O valor da multa dobra na reincidência.. O Ipem-SP atende denúncias e reclamações de consumidores pelos telefones 0800-130522, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.