IPI reduzido faz venda de carros bater recorde em março

O fim da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para automóveis levou muitos consumidores às lojas e aos feirões no fim de semana e a indústria automobilística já comemora o melhor mês em vendas da história. Amanhã, último dia do benefício que vigorou por mais de um ano, o número de licenciamentos de modelos novos deve superar a marca de 320 mil veículos. O recorde até agora foi obtido em setembro do ano passado, com 308,7 mil unidades.

AE, Agencia Estado

30 de março de 2010 | 07h43

Até sexta-feira, as vendas já somavam 281,4 mil unidades, incluindo caminhões e ônibus, volume 27% superior ao de todo o mês de fevereiro e quase 4% maior em relação ao de março de 2009 inteiro, segundo dados preliminares baseados nos registros de licenciamentos. Se a média diária de vendas do mês for mantida entre ontem e amanhã, a indústria encerrará março com 320 mil a 330 mil unidades vendidas, estabelecendo um novo recorde mensal. No comércio, há quem aposte até em 350 mil unidades.

No acumulado de janeiro a março, as vendas até sexta-feira somam 715,6 mil unidades, 12,7% acima do registrado no mesmo período de 2009, confirmando também o melhor trimestre da história. Só em automóveis e comerciais leves foram vendidas 680,8 mil unidades. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
impostoIPIcarrosvendasrecorde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.