IPVA tem aumento médio de 2,5% em SP

Os motoristas de São Paulo que estavam acostumados a pagar Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) cada vez mais baixo à medida que o carro ia ficando mais velho poderão ficar surpresos ao constatar que no início de 2001 terão de recolher um valor mais alto do que em 2000. O aumento médio do imposto ficou em 2,5%. A explicação da Secretaria de Estado dos Negócios da Fazenda é que em setembro, quando recolheu os valores dos carros para definir o imposto, constatou que havia valorização em relação a setembro do ano passadoNa pesquisa feita pelo InformEstado também se pode verificar aumento no preço dos usados. O Corsa Sedan GL, fabricado em 1996, por exemplo, estava cotado em setembro de 1999 por R$ 12.500 e em 2000 por R$ 15.125, com valorização de 21%. No caso do Ka 1.0 fabricado em 1997, com cotação de R$ 9.100 e R$ 10 mil, respectivamente, a alta é de 9,89%.Há três opções de pagamento: à vista, com desconto de 3,5%, em janeiro; sem desconto, em fevereiro; parcelado em três vezes. A secretaria vai enviar guias para pagamento do seguro obrigatório junto com o IPVA. O licenciamento poderá ser antecipado. O contribuinte pode consultar a tabela com os valores do IPVA pela Internet (veja o link abaixo).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.