Iraque conclui leilão de campos de petróleo

O Iraque concluiu hoje a segunda rodada de licitações de seu setor petrolífero após a guerra, concedendo sete contratos de exploração de petróleo a companhias internacionais. Entre os campos oferecidos estão o Majnoon e o West Qurna Fase 2, cada um com mais de 12 bilhões de barris de reservas de petróleo.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

12 de dezembro de 2009 | 16h02

A concessão do West Qurna Fase 2 ficará com um consórcio formado pela russa Lukoil, enquanto o Majnoon foi para a Royal Dutch Shell e a malaia Petronas. O campo Halfaya, com reservas estimadas em 4,1 bilhões de barris, foi para a China National Petroleum, a Petronas e a francesa Total.

O ministro de Petróleo do Iraque, Hussein al-Shahristani, afirmou que a capacidade de produção dos sete campos que foram leiloados pode chegar a 4,7 milhões de barris por dia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoleilãoIraque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.