Italiana Fiat separa unidade de automóveis do restante do grupo

O diretor-geral da Fiat, Sergio Marchionne, anunciou ontem que a montadora italiana vai separar o setor automobilístico do resto das atividades do grupo. O objetivo é agrupar todas as atividades em um novo grupo batizado de Fiat Industrial. "Não há razões para deixar juntos esses setores, e, por isso, nosso projeto é separar as atividades da Iveco (caminhões e ônibus), da CNH (maquinaria agrícola e para construção) e as atividades industriais automotoras", anunciou. Marchionne também revelou que o novo grupo batizado de Fiat Industrial será cotado na Bolsa de Milão. A separação das empresas do grupo será concluída seis meses após ser aprovada pelo conselho de administração. A Fiat anunciou ainda que vai lançar 34 modelos antes de 2014, 13 deles construídos pela Chrysler nos EUA e México. Também modernizará 17 dos modelos atuais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.