Itaú, Allianz e Mapfre vencem licitação de seguro da Petrobras

A Petrobras anunciou nesta sexta-feira que a Itaú Seguros, junto à Allianz e à Mapfre, venceu três licitações para a renovação das apólices de seguros da estatal envolvendo prêmios no total de 49,7 milhões de dólares.

REUTERS

26 de março de 2010 | 20h22

Nas três apólices, o Itaú será líder com 50 por cento, seguido das seguradoras Allianz, com 30 por cento, e Mapfre, com 20 por cento, informou a Petrobras em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A primeira apólice tem valor segurado de 94,9 bilhões e cobre todos os riscos de danos materiais nos principais ativos da Petrobras e suas subsidiárias, como refinarias, terminais, plataformas e outras instalações, assim como danos materiais e pessoais causados a terceiros, inclusive poluição.

A segunda cobre as atividades de movimentação de carga da estatal e de suas subsidiárias, enquanto a terceira abrange as atividades de abastecimento de aeronaves da Petrobras Distribuidora contra danos materiais e pessoais causados a terceiros.

Ainda, a Petrobras informou que "solicitou cotação para uma série de franquias alternativas e optou por manter o nível atual de suas franquias que podem, conforme o caso, chegar a 20 milhões de dólares".

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAPETROBRASSEGUROS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.