finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Japão: Balança comercial tem 3º maior déficit histórico

As exportações do Japão cresceram 18,6% em outubro na comparação com o mesmo período do ano passado, somando a oitava alta seguida. No entanto, com a depreciação do iene e o crescimento de 26,1% no volume de importações, a balança comercial japonesa fechou o mês em déficit de 1,091 trilhões de ienes, o terceiro maior da história.

Agencia Estado

20 de novembro de 2013 | 04h32

A alta das exportações, para 6,105 trilhões de ienes, foi impulsionada pela forte demanda por automóveis, combustíveis minerais e compostos orgânicos. A recuperação dos EUA e na Europa ajudaram a fortalecer o crescimento, que, em setembro, havia sido de 11,5% na comparação anual.

Já as importações foram reforçadas pela demanda interna por petróleo cru e gás natural para a produção de energia, além de semicondutores, que poderiam ser usados para o crescimento da economia. Em setembro, a alta das importações japonesas foi de 16,5%. (Thiago Moreno, com informações da Dow Jones Newswires e da Market News International - thiago.moreno@estadao.com)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.