Japão: economia está se recuperando, mas exterior preocupa

O governo do Japão avaliou em um relatório mensal que a economia está lentamente se recuperando , mas disse que continua vigilante sobre os riscos de desaceleração do exterior, os mercados voláteis e o impacto das enchentes na Tailândia.

KAORI KANEKO, REUTERS

24 de novembro de 2011 | 08h32

Mas o governo cortou sua perspectiva para os gastos de capital das companhias pela primeira vez em seis meses, dizendo que eles estão se estabilizando e mostrando sinais de fraqueza conforme os lucros corporativos estão declinando.

"A economia japonesa ainda está se recuperando lentamente, embora as dificuldades continuem prevalecendo devido ao terremoto", afirmou o governo em seu relatório de novembro, divulgado nesta quinta-feira.

O governo revisou para baixo sua visão em outubro, enquanto o Banco do Japão moderou sua avaliação econômica neste mês, expressando preocupações com o possível contágio da crise de dívida da Europa e sinalizando prontidão para afrouxar a política monetária novamente se a recuperação do país for ameaçada.

"Podemos ver alguns sinais positivos da Tailândia após suas enchentes generalizadas, mas não podemos ser otimistas demais. Temos de monitorar os próximos dados para mensurar em detalhes o impacto sobre a economia do Japão", disse o ministro da Economia japonesa, Motohisa Furukawa.

"Os problemas da Europa podem afetar os fluxos de comércio, os mercados de ações e de câmbio, o que pode então indiretamente impactar a economia japonesa. Isso é algo que precisamos monitorar no futuro."

O presidente do Banco do Japão, Masaaki Shirakawa, disse nesta quinta-feira que as preocupações de dívida soberana na Europa significam que é importante garantir que bancos tenham acesso estável a financiamentos em dólares, de acordo com uma autoridade do governo.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROJAPAOECONOMIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.