coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Japão enfrenta condições severas, diz ministro

A economia do Japão, que segundo o ministro da economia, Heizo Takenaka, enfrenta condições ?muito severas?, ainda sofre com a deflação, e os preços ao consumidor voltou a cair em fevereiro em -1,6% e o desemprego continua elevado com uma taxa de 5,3%, pouco abaixo do índice de dezembro que foi de 5,5%, um recorde. O número de desempregados em fevereiro alcançou 3,5 milhões de trabalhadores. A produção industrial do país cresceu bem abaixo dos esperados 2,5%, ou seja, ficou em 1,3%, insuficiente para aquecer a economia. Hoje foi o último dia do ano fiscal japonês e, mesmo com os indicadores de fevereiro, o ministro Heizo Takenaka, acredita em uma reação da segunda maior economia do planeta. A deflação no Japão precisa ser superada com a busca do aquecimento da economia e, segundo analistas, as medidas já adotadas têm efeito lento e gradual.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.