Japão entra em recessão e bolsas asiáticas caem

PIB do país recua 0,1% em relação ao trimestre anterior; Nikkei opera em baixa de -2,4%

Efe,

17 de novembro de 2008 | 02h07

A economia do Japão entrou em recessão após uma contração entre julho e setembro de 0,4% em termos reais, a segunda redução trimestral consecutiva, segundo informou o governo em um relatório preliminar. As Bolsas asiáticas abriram o pregão desta segunda-feira, 17, em queda.   Veja também: G-20 se compromete a evitar novas barreiras comerciais por um ano Leia o comunicado do G-20 na íntegra   Veja as medidas que precisam ser adotadas   G-20 pede mais recursos e poder de supervisão ao FMI De olho nos sintomas da crise econômica  Lições de 29 Como o mundo reage à crise  Dicionário da crise     A queda do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre indica que a economia japonesa sofreu uma contração de 0,1% em relação ao trimestre anterior.   Esse número contrasta com as estimativas do mercado, que previa um aumento de 0,1% em comparação com o trimestre anterior.   Em termos nominais, com dados não ajustados às mudanças nos preços, a economia japonesa sofreu uma contração de 0,5% entre julho e setembro com relação ao trimestre anterior, e de 2,1% em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior.   O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio perdeu na abertura 209,63 pontos (-2,4%), aos 8.252,76. O Topix, que reúne todos os valores da primeira seção, caiu 19,50 pontos (-2,30%), para 827,41.   O dólar era negociado a 96,19 ienes, contra os US$ 96,87 do fechamento da sexta-feira. O euro era cotado a 120,45 ienes, contra 123,11 ienes. Em relação ao dólar, a moeda européia era trocada a US$ 1,2518, contra US$ 1,2706 da última sessão.   As outras bolsas asiáticas também abriram no vermelho. O indicador Kospi da Bolsa de Seul operava em baixa de 24,21 pontos (-2,3%), para 1.064,05. O índice de valores tecnológicos Kosdaq caiu 0,75 ponto (-0,24%), aos 316,70.   O índice PSEI da Bolsa de Manila caía 40,63 pontos (2,05%), aos 1,937,42. Em Cingapura, o índice Straits Times baixava 22,6 pontos (1,28%), aos 1.736,54.   Na Bolsa de Jacarta, o índice JKSE operava nos primeiros minutos do pregão em baixa de 13,67 pontos (1,28%), aos 1.250,70. O índice KLCI de Kuala Lumpur perdia 2,06 pontos (0,23%), aos 879,59. E em Bangcoc, a queda do índice SET era de 0,11 pontos (0,02%), aos 429,86.   Em Hong Kong, a situação era diferente. O índice Hang Seng subia 41,69 pontos (+0,31%), para 13.584,35.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.