Japão entrou em recessão no final de 2007, diz governo

A economia japonesa entrou em recessão em novembro de 2007, uma vez que a desaceleração econômica global prejudicou a demanda por produtos japoneses, declarou o governo hoje. Isso significa que a economia está em recessão há 14 meses, de acordo com a definição do governo, e autoridades afirmam que ela se tornará mais severa."A economia provavelmente enfrentará uma recessão muito severa adiante", afirmou Hiroshi Yoshikawa, professor da Universidade de Tóquio que comanda o painel que julga quando a economia do Japão está em recessão. O período mais longo de expansão econômica pós-guerra no Japão, que começou em fevereiro de 2001, durou 69 meses.Yoshikawa sugeriu que a contração econômica atual poderá ser a mais duradoura desde a Segunda Guerra Mundial. A recessão mais longa pós-guerra no Japão durou três anos, de março de 1980 a fevereiro de 1983.O Instituto de Pesquisa Econômica e Social, órgão filiado ao governo que determina os ciclos econômicos da nação, disse que a demanda externa representou 40% do crescimento "modesto" no Produto Interno Bruto durante o último ciclo econômico. As informações são da Dow Jones.

NATHÁLIA FERREIRA, Agencia Estado

29 de janeiro de 2009 | 08h51

Tudo o que sabemos sobre:
Japãorecessão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.