Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Japão lamenta decisão da OMC de rejeitar queixa sobre aço

O painel de solução de controvérsias da Organização Mundial do Comércio (OMC) rejeitou formalmente a queixa levantada pelo Japão de que a chamada "sunset provision" constante na lei antidumping dos EUA, autorizando tarifas antidumping, bem como o procedimento dos EUA de automaticamente estender as tarifas contra as chapas de aço, violam as normas antidumping da OMC. ?A decisão do painel da OMC é severa para o Japão e estudaremos cuidadosamente a decisão", disse Takeo Hiranuma, ministro da Economia, Comércio e Indústria do Japão, segundo informações da Kyodo News. O ministro disse em teleconferência que a OMC notificou ontem o Japão e os EUA sobre sua decisão a respeito das chapas de aço tratadas em superfície. Hiranuma não quis fazer mais comentários, observando que o país em questão está proibido de revelar o conteúdo do relatório da OCM até que a agência de vigilância global de comércio notifique todos os seus membros. O ministro indicou que o Japão poderá cooperar com a União Européia (UE) no sentido de buscar formas de contrariar a decisão da OMC, afirmando que a UE possui um problema semelhante.

Agencia Estado,

23 de maio de 2003 | 10h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.